SPACE PortugalTornar-se [email protected]

A base neuronal da ação psicadélica

Revisão Narrativa

24 de outubro de 2022, Nature Neuroscience

Autores: Alex C. Kwan, David E. Olson, Katrin H. Preller & Bryan L. Roth

Os psicadélicos são agonistas do recetor de serotonina 2A que podem levar a mudanças profundas na perceção, cognição e humor. Nesta revisão, os autores atentam à neurobiologia básica subjacente à ação das substâncias psicadélicas. Discutem a sua química, destacando a diversidade de moléculas psicoativas e os princípios que regem a sua potência e farmacocinética. Descrevem os papéis dos recetores de serotonina e as suas vias de sinalização molecular a jusante, enfatizando elementos-chave para a descoberta de novas substâncias. Consideram o impacto dos psicadélicos na dinâmica de picos neuronais em várias regiões corticais e subcorticais, juntamente com alterações transcricionais e efeitos sustentados na plasticidade estrutural. Por fim, resumem os resultados de estudos de neuroimagem que identificam os efeitos nos córtices de associação e na conectividade funcional talamocortical, que informam as teorias atuais da ação psicadélica. Ao sintetizar o conhecimento nos níveis químico, molecular, neuronal e de rede, os autores procuram fornecer uma perspetiva integrativa sobre os mecanismos neurais responsáveis pelos efeitos agudos e duradouros dos psicadélicos no comportamento.




Artigos relacionados

Ver todos os artigos